manifestando o Reino em meio à adoração, intercessão e batalha espiritual

Reunião Mensal da Rede de Intercessão e Pré Santa Convocação Fev/2019

Olá guerreiros!

Mais uma poderosa reunião mensal aconteceu. Glória a Deus!

Em meio à ataques cada vez mais intensos, o Eterno que nos sustenta vai recebendo cada vez maior glória.

Todo dia em que temos reunião, é sempre muito tenso pra mim. Dessa vez, no entanto, a angústia era ainda mais intensa. Provavelmente, todos vocês que tem militado nessa área, já experimentaram esse tipo de coisa. Um ponto novo nessa rotina foi o fato de ter recebido alguns áudios, que me fizeram saber que não era apenas eu quem estava sentindo esse peso e nem era apenas por nossa reunião.

Através de várias fontes diferentes, foi possível compreender que estamos num momento que há alguns anos, o Papai vem preparando o seu povo para enfrentar. É algo que não é possível explicar com clareza, mas que com certeza envolve uma espécie de separação ou denúncia, por parte do próprio Deus, sobre quem está e quem não está disposto a se render à vontade Dele. Eu sei que isso tem um tom “meio religioso”, querendo exaltar uma espécie de “santarrões”, mas adianto que não é isso. Como falei anteriormente, quem já percebeu isso, não consegue explicar exatamente o que é.

O fato é que está pra acontecer. E ainda que o resultado disso seja muito bom para a Igreja e para o Reino, temos a impressão que este processo será bastante doloroso. Provavelmente serão desvendados escândalos entre lideranças e entre o povo de Deus, situações serão desvendadas e muitas coisas serão expostas. Estas coisas são sempre muito difíceis de suportar. Mas Deus vem falando a muito tempo para que coloquemos nossa casa em ordem. Para que nos consagrássemos. Para que deixássemos de olhar para os outros e olhássemos para nós mesmos. Para que não nos acomodássemos com o pecado da Igreja e da nação. Para que tomássemos uma postura de primogênitos e deixássemos as meninices. Para que fôssemos mais disciplinados. Para que aprendêssemos a ser corrigidos, sem endurecer a cerviz. Para que abandonássemos todo orgulho.

Quem fez a lição de casa, está sentindo o peso desse momento e a angústia de tudo o que ele representa. Mas ao mesmo tempo sabe que tudo o que precisa fazer é permanecer firme em adoração. Papai está no controle e não permitirá que nenhum fio de cabelo seja tocado, sem a permissão Dele. No entanto, todos quantos ouviram essas admoestações, seja por pregações, por profetas, por leituras bíblicas, revelações pessoais ou qualquer outra maneira e não se preparou; está vivendo suas últimas oportunidades de fazer algo, pois esse tempo já está às portas.

Percebendo tudo isso, iniciamos nossa reunião um tanto apreensivos. Era nossa reunião mensal de intercessão, mas era também, a nossa intercessão pró Santa Convocação. Nosso coração gritava: não desejamos fazer uma Santa Convocação num “espírito de tristeza”! Qual seria a solução? Romper por meio da adoração profética! E foi assim que aconteceu nossa reunião, a qual você pode acompanhar acima, pelo vídeo.

Por isso, solicito que cada intercessor mantenha-se em posição, orando para que nem músicos, ou cantores, ou pregadores ou qualquer um que fizer uso da palavra, seja pego por um sentimento diferente desse. Que a postura de todos seja de verdadeiros adoradores. Nada será feito pelas circunstâncias, mas tudo por causa Daquele que está sendo adorado: o Deus Todo Poderoso.

Orem por todas as atividades  pró Reino de Deus que estarão acontecendo nesse período: Santas Convocações, Evangelismo de Rua, Atos Proféticos, Exercícios de Intercessão e Batalha Espiritual e até acampamentos. Que todos os envolvidos e suas famílias sejam protegidos dos ataques do destruidor.

Em relação à viagem Aracaju / Maceió, podemos perceber o que o Senhor já havia dito em nossas últimas reuniões de intercessão: uma aceleração de processos e um fluir maior de Deus. E certamente não vai parar por aí. Enquanto orávamos pelo Ap Paulo de Tarso, foi muito clara a percepção de que os níveis de cada parte da jornada são crescentes. Assim também são os desafios. Peço aos intercessores que sejam sensíveis à isso, se doando cada vez mais, a fim de que respondamos às demandas necessárias em cada fase do Ouviram. Não cessem de orar pelo apóstolo, por seu casamento, sua esposa Profetisa Karla, além dos filhos Bruna, Tikva, Boaz e tudo que se liga a eles. Inclua o ministério, os filhos ministeriais, as finanças, a saúde e o que mais o Senhor lhe mostrar. Os detalhes dessa viagem poderão ser observados em breve no Diário de Bordo das viagens, no site do Ouviram do Ipiranga.

Por fim, desejo conclamar mais uma vez os participantes do Ouviram que residem em São Paulo, ou nas proximidades, que possamos nos alinhar para formar o Núcleo São Paulo, do Ouviram do Ipiranga? Acredito que em maio, eu deva participar das viagens do Ouviram. É bem provável que tenhamos aí, o início da implantação dos núcleos de desenvolvimento local. Seria muito interessante que já tivéssemos fundado nossa primeira base aqui no Ipiranga. Solicito aos paulistas, que mais do que orar, possam se apresentar e dizer: quero fazer parte do Núcleo do Ouviram do Ipiranga em São Paulo. Sei que temos os da capital, os da Grande São Paulo e os do interior, mas podemos nos encontrar e ter participações via internet. Declaramos em nossa reunião que já está fundado o núcleo, mas gostaria de obter seu feedback. Me mande sua opinião em mensagem privada no whatsapp.

Segue a batalha e nós vamos em frente!

Grande abraço

Shalom

Paulo Souza

Deixarei abaixo 02 áudios sobre este período que citei acima. Como é dito em um deles, o propósito é mais para que julguem e possam considerar no coração, qual a melhor atitude a ser tomada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado